Quarta, 21 de abril de 2021
Brasília 19º MIN 28º MAX
Dólar R$ 4,1944
terça, 02 de março de 2021 às 16:56

Marcelo Cabo chega ao Vasco confiante e promete time ofensivo

Foto: Rafael Ribeiro/Vasco

O Vasco apresentou, no fim da manhã desta terça-feira (02), seu novo técnico. O carioca Marcelo Cabo chega a São Januário com a missão de recuperar a confiança e o futebol do cruzmaltino, depois de uma temporada que terminou com o rebaixamento para a Série B do Campeonato Brasileiro.

Cabo terminou o Brasileirão na 13ª posição, com o Atlético-GO, e deixou o clube com o título de 2020 do Campeonato Goiano. Ex-atleta de futsal do Vasco, o treinador falou sobre a decisão de comandar o Gigante da Colina.

“É uma alegria muito grande voltar para São Januário, para o clube onde eu vivi bons momentos como atleta e espero também viver grandes momentos como treinador. Confesso que era uma meta profissional minha voltar ao Rio de Janeiro em um gigante do futebol brasileiro e mundial, como o Vasco da Gama. Eu escolhi o Vasco, quando o convite veio eu não pensei duas vezes, com muita convicção e certeza de que vamos fazer uma grande temporada e nossa torcida vai se alegrar muito”, disse o técnico no início da entrevista coletiva.

Apesar de ter pela frente competições importantes, como o Campeonato Carioca e a Copa do Brasil, o maior desafio do Vasco em 2021 vai ser a Série B. Marcelo Cabo já foi campeão da divisão de acesso, em 2016, com o Atlético-GO, e também subiu com o CSA, em 2018. O técnico confia no sucesso da equipe e admite que os confrontos são diferentes em relação aos da Série A.

“Eu tenho conhecimento pleno da competição. Vou dizer com convicção: o Vasco vai passar pela Série B e vamos trabalhar bastante para no final da temporada dar essa alegria ao torcedor com o retorno à Série A. Claro que existe uma diferença grande entre as duas divisões. Na Série A, o jogo é muito mais técnico e elaborado. A Série B é muito mais árdua, pegada, com mais choque. São campos muito diferentes. A gente precisa ter o perfil de uma equipe que vai enfrentar a Série B. São adversários que, geralmente, quando vão jogar em São Januário, são muito mais reativos. O Vasco vai fazer um planejamento e se preparar muito para a competição”.

Quando o nome de Marcelo Cabo começou a ser especulado para assumir o Vasco, a torcida passou a buscar mais informações sobre o estilo do técnico. Com Licença PRO - grau mais alto do curso da CBF Academy, da Confederação Brasileira de Futebol -  Cabo não é um treinador com um estilo fixo de jogo, mas ele adianta o que espera do Vasco.

“A história do Vasco é de equipes ofensivas. Os maiores jogadores da história do Vasco são atacantes, meias-atacantes. Então esse é o DNA do Vasco, um time que joga pra frente, que busca o gol a todo momento. Com a minha chegada não vai ser diferente. Minhas equipes sempre gostam de ocupar o campo de adversário. Eu tenho uma máxima que quanto mais tempo estivermos no campo do adversário, estamos mais longe do nosso gol e mais perto de construir gols. O Vasco tem isso em sua história e com o meu comando não vai ser diferente”, concluiu.

Marcelo Cabo ainda não vai dirigir o Vasco na estreia do Campeonato Carioca, nesta quarta-feira (03), às 21h, em São Januário. Diogo Siston, técnico do Sub-20, será o comandante cruzmaltino. A equipe vai entrar em campo só com jogadores da base.

Fonte: Com informações da Agência Brasil

Mais do AZ Brasília

Atual campeão, Corinthians estreia com vitória no Brasileiro Feminino
Campeonato Brasileiro de Futebol Feminino
Atual campeão, Corinthians estreia com vitória no Brasileiro Feminino
Com gol no fim, Vitória elimina Altos e segue na Copa do Nordeste
Copa do Nordeste
Com gol no fim, Vitória elimina Altos e segue na Copa do Nordeste
Conmebol aumenta premiação da Copa América para US$ 10 milhões
Copa América
Conmebol aumenta premiação da Copa América para US$ 10 milhões

Dê sua opinião: